Especificações da grama artificial: entendendo o que significam

Especificações de grama artificial

Ao planejar um projeto de grama artificial, você provavelmente encontrará várias especificações em cotações e amostras fornecidas pelos fornecedores. Essas especificações desempenham um papel crucial na determinação da qualidade, vida útil e custo de grama sintética. Para tomar decisões informadas, é essencial entender o que essas especificações significam. Neste artigo, explicaremos as principais especificações em detalhes.

1. Altura da Pilha:

A altura da pilha refere-se à altura da lâmina ou fibra no topo da grama artificial. É medido em milímetros (mm). Diferentes alturas de pilha oferecem características estéticas e de desempenho variadas.

2. Dtex:

Dtex é uma unidade de medida que indica a massa linear do fio em gramas por 10.000 metros. Representa o peso do fio utilizado na grama artificial. Valores mais altos de Dtex indicam maior peso de face, o que significa que mais fio é usado, resultando em melhor durabilidade e sensação mais densa. No entanto, é importante observar que valores exagerados de Dtex podem, às vezes, ser fornecidos pelos fornecedores, portanto, é aconselhável verificá-los com equipamentos profissionais.

3. Medidor:

O medidor refere-se à distância entre duas linhas adjacentes na grama artificial. Normalmente é medido em polegadas. As opções de medidores comuns incluem 3/8 de polegada, 3/4 de polegada, 5/8 de polegada, 3/16 de polegada e 5/32 de polegada. O medidor determina a densidade da grama na direção da largura.

Medidor de grama artificial

4. Taxa de pontos:

A taxa de ponto refere-se ao número de pontos por 100 cm na direção da linha do ponto. Representa a densidade da grama artificial. Taxas de pontos mais altas indicam uma superfície mais densa.

5. Densidade:

Densidade refere-se ao número de pontos em um metro quadrado de grama artificial. Ele pode ser calculado usando o medidor e a taxa de ponto. Multiplicando o número de linhas em um metro (determinado pelo medidor) pela taxa de costura, você pode determinar a densidade da grama artificial.

5.1 Cálculo da densidade com medidor e taxa de pontos

Para calcular a densidade da grama artificial usando o medidor e a taxa de costura, siga estas etapas:

Passo 1: Converta a medida do medidor para centímetros (cm). Por exemplo, se o medidor for dado como 3/8 de polegada, converta-o em centímetros multiplicando-o por 2,54. Neste caso, 3/8 de polegada é aproximadamente 0,9525 cm.

Etapa 2: determine o número de linhas em 100 cm com base na medição do medidor convertido. Divida 100 cm pela medida da bitola em centímetros. Por exemplo, se o medidor for 0,9525 cm, divida 100 cm por 0,9525 cm para obter aproximadamente 105 linhas em 100 cm.

Passo 3: Multiplique o número de linhas pela taxa de pontos. Isso lhe dará o número de pontos em 100 cm. Por exemplo, se a taxa de pontos for 170 pontos/100 cm, multiplique 105 linhas por 170 pontos para obter 17.850 pontos em 100 cm.

Passo 4: Como a densidade é medida em pontos por metro quadrado (m²), o número calculado de pontos em 100 cm representa a densidade da grama sintética. Portanto, neste exemplo, a densidade seria de 17.850 pontos/m².

Seguindo estas etapas, você pode calcular com precisão a densidade da grama artificial com base nas especificações de bitola e taxa de costura fornecidas.

6. Suporte:

Os forros de grama artificial consistem em dois componentes: o forro primário e o forro secundário. Cada um desempenha um papel crucial no fornecimento de estabilidade e durabilidade ao sistema geral. Aqui está um detalhamento desses dois suportes:

6.1 Apoio Primário:

O suporte primário é feito de tecidos de polipropileno. Sua principal função é fornecer uma base para que as fibras da grama artificial sejam tufadas ou costuradas em fileiras. O suporte primário também facilita o processo de costura entre os painéis de grama artificial, garantindo uma instalação segura e perfeita. Na maioria dos casos, o forro primário é composto por uma camada de tecido de polipropileno (PP).

Suporte de grama artificial PPSuporte de rede de grama artificial

6.2 Apoio Secundário:

O forro secundário, às vezes chamado de “revestimento”, é aplicado no verso do forro primário. Sua finalidade é travar permanentemente as fibras tufadas no lugar, aumentando a estabilidade dimensional e evitando que as fibras se soltem. Dois tipos comuns de revestimentos usados para o suporte secundário são SBR Latex e Poliuretano (PU). O SBR Latex é amplamente utilizado no mercado devido ao seu bom desempenho e custo-benefício. O poliuretano, embora ofereça qualidades superiores, tem um custo mais alto.

Em nossas etiquetas de especificação, marcamos o suporte da seguinte forma:

  • Látex PP+NET+SBR: Tecido de polipropileno + Rede + Revestimento de látex SBR (comumente usado)
  • 2PP+Poliuretano: Duas camadas de tecido de polipropileno + revestimento de PU
  • 2PP+SBR Látex: Duas camadas de tecido de Polipropileno + Revestimento SBR Látex
  • PP+Nonwoven+SBR Latex: Tecido de polipropileno + Tecido não tecido + Revestimento de látex SBR (mesmo custo de PP+NET+SBR Latex)

suporte de grama artificial

Entender essas especificações ajudará você a tomar decisões informadas ao selecionar a grama artificial certa para o seu projeto. Considere os requisitos específicos de sua aplicação e consulte profissionais para garantir a escolha do produto mais adequado.

Leitura Adicional: Explore nosso Glossário de grama artificial para uma referência abrangente sobre termos comuns usados na indústria de grama artificial.